sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

REGULAMENTO - CONCURSO NACIONAL DE LEITURA

CNL - 12ª Edição   2017/2018
1º momento – Provas na escola
Biblioteca Escolar 

Docentes do 1ºCiclo e Docentes de Português 2º e 3ºCiclo


Artº1
Objetivos e enquadramento
Tendo em conta a necessidade de promoção da leitura nas escolas de uma forma lúdica, o Plano Nacional de Leitura, em articulação com a Direcção Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB), a Rede das Bibliotecas Escolares (RBE), o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua (Camões IP), a DGAE/DSEEPE, versão lusófona e com a RTP promove, no ano letivo 2017/2018, a 12ªEdição do Concurso Nacional de Leitura (CNL).
As escolas EB1/JI de Conceição, EB1 de Cabanas, EB Horta do Carmo e EB 2/3 Dom Paio Peres Correia irão participar neste concurso procurando, desta forma, contribuir para estimular hábitos de leitura e desenvolver competências de expressão escrita e oral.

Artº2
Destinatários
Este concurso destina-se a alunos do 1º, 2º e 3º Ciclo do Ensino Básico e do Ensino Secundário.

Artº3
Calendarização
O CNL decorrerá em duas fases: a Fase Regional e a Fase Nacional.
A Fase Regional desenrola-se em três momentos : Escolar, Municipal e Intermunicipal.
                        a) 1º momento – eliminatórias a realizar nas escolas, de 8 de dezembro de 2017 
até ao dia 19 de fevereiro de 2018;
b) 2º momento – Prova na Biblioteca Municipal Álvaro de Campos, a
decorrer no dia 24 de abril, pelas 10h, para apurar os 2 representantes do
1ºciclo para competirem no momento seguinte.
c) 3º momento – provas nas Comunidades Intermunicipais, a decorrer
entre 1 e 31 de maio, onde participarão os vencedores de cada concelho, 
2 por cada nível de ensino.
A Fase Nacional terá lugar a 10 de junho de 2018, dia em que se celebra
a língua portuguesa.

Artº4
Condições gerais de participação
A participação no concurso está aberta aos alunos do 3º e 4ºano do
1ºciclo e a todos os alunos do 2º e 3ºCiclo do Ensino Básico e processa-se
através do preenchimento de uma Ficha de Inscrição, na Biblioteca ou junto do
respetivo professor de Português, até ao dia 26 de janeiro de 2018.
Para efeito da sua participação no Concurso Nacional de Leitura, os
concorrentes comprometem-se a submeter-se ao presente Regulamento e às
decisões dos diversos Júris.
No caso de serem selecionados para as Finais Regionais ou para a Final
Nacional, os candidatos menores de 16 anos não poderão participar sem a
autorização expressa do encarregado de educação.

Artº5
Obras selecionadas
Os concorrentes ao 1ºmomento (Provas nas Escolas) deverão ler as
seguintes obras selecionadas:
  a) Alunos do 3º e 4ºano – Contos para a Infância, Guerra Junqueiro. 
b) Alunos do 2ºciclo (5º e 6ºano) – Os Filhos de Montepó, António
Mota.
    c) Alunos do 3ºciclo (7º, 8º e 9ºano) – A Casa das Bengalas, António
Mota.

Artº6
Provas de seleção no 1º momento
        a) As provas de seleção a nível de Escola (1ºmomento) serão elaboradas
pelo Júri da Escola e realizadas num único momento:
- 1ºciclo - prova escrita - no dia 15 de fevereiro de 2018 (quinta-feira),
pelas 10h, na Biblioteca da Escola Horta do Carmo.
- 2º e 3ºciclos – prova escrita – no dia 7 de fevereiro de 2018, pelas 14h
30, na Biblioteca da Escola EB 2/3 Dom Paio Peres Correia.
b) Os participantes deverão apresentar-se no local de realização das
provas 10 minutos antes do seu início  
c) O teor das provas é o seguinte:
- Prova escrita – a prova será decidida pelo Júri, podendo conter uma ou
várias das seguintes propostas: pequenos questionários de escolha múltipla,
verdadeiro/falso, uma apreciação crítica, sopa de letras, palavras cruzadas.
Esta prova poderá, eventualmente, ser realizada em formato digital,
usando as ferramentas da Web.
d) O apuramento dos concorrentes no 1ºmomento processa-se do
seguinte modo:
1. Um concorrente por cada escola do 1ºciclo (EB1 de Cabanas, EB1 de
Conceição e EB Horta do Carmo), num total de três;
2. Um concorrente do 2ºciclo;
3. Um concorrente do 3ºciclo.

Artº7
2º momento: provas na Biblioteca Municipal
O 2ºmomento decorrerá no dia 24 de abril de 2018, pelas 10horas, na
Biblioteca Municipal Álvaro de Campos e destina-se apenas aos alunos do
1ºciclo apurados no 1ºmomento (fase de escola).

Artº8
Júri a nível de Escola
O Júri a nível de Escola será constituído pelos seguintes elementos:
Professora Bibliotecária, Coordenadora Interconcelhia das Bibliotecas Escolares
(CIBE), um docente do 1ºciclo e dois docentes de português - um do 2º e outro
do 3ºciclo.

Artº9
Competências do Júri da Escola
Ao Júri da Escola compete a organização interna do CNL, o
acompanhamento do seu desenvolvimento na Escola, assim como a seleção
das obras tomadas como referência para os processos de seleção dos alunos
que participarão nos momentos seguintes do Concurso.
Ao Júri também compete decidir sobre quaisquer matérias omissas neste
Regulamento.

Artº10
Prémios
Os vencedores do 1ºmomento receberão um prémio, a definir pelo
Diretor do Agrupamento, em cooperação com o Júri da Escola.
Todos os concorrentes receberão um diploma de participação.

CONCURSO NACIONAL DE LEITURA - 12ª Edição - 2017/2018

Obras a ler

1º Ciclo: Contos para a infância, Guerra Junqueiro

2º Ciclo: Filhos de Montepó, António Mota

3º Ciclo: A casa das Bengalas, António Mota


Dia das Provas

1º Ciclo: 15 de fevereiro às 10:00, 
na Biblioteca da Escola Horta do Carmo

2º Ciclo e 3º Ciclo: 7 de fevereiro às 14:30, 
na Biblioteca da Escola Dom Paio Peres Correia

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

MIÚDOS A VOTOS



Miúdos a votos


     A iniciativa “Miúdos a votos”, promovida pela Rede de Bibliotecas Escolares e a revista VISÃO Júnior, dirige-se a todas as escolas, públicas ou privadas e abrange os alunos do 1.º ao 9.º ano de escolaridade.
     Às crianças e jovens será dada a possibilidade, através de uma eleição realizada em todas as escolas, de votarem no livro de que mais gostaram até hoje.
   
     Decorre até ao dia 22 de janeiro o recenseamento das escolas (formulário), em que as bibliotecas escolares/ escolas/ professores manifestam interesse em participar e a apresentação de candidaturas (formulário) em que os alunos indicam o livro que candidatam à eleição através do preenchimento dos respetivos formulários.
    Todas as informações estão detalhadas no regulamento e qualquer dúvida poderá ser enviada para miudosavotos@visao.impresa.pt.

    Mais informações em http://www.rbe.min-edu.pt/np4/2050.html

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

SEMANA DAS CIÊNCIAS E TECNOLOGIAS


DE 15 A 19 DE JANEIRO 
COMEMORA-SE A SEMANA DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA.

COM ATIVIDADES DESTINADAS AOS ALUNOS DO 1º, 2º E 3º CICLOS
NAS ESCOLAS HORTA DO CARMO E DOM PAIO PERES CORREIA:

- FEIRA DE MINERAIS de 15 a 16, na BE HORTA DO CARMO;


- FEIRA DE MINERAIS de 17 a 19, na  BE DPPC;






- PALESTRAS COM PROFESSORES DA UALG (UNIVERSIDADE DO ALGARVE) 
16 , 18 e 19, para os alunos do 3º ciclo, na BE DPPC;

- APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS SOBRE DESCARTE E EULER, 
dinamizados pelos alunos das turmas 8ºA e 8º C para os alunos do 4º ano, na BE DPPC ;

- CONCURSO QUIZ na BE DPPC 
com a utilização de uma consola

terça-feira, 9 de janeiro de 2018

"Maratona de cartas"


A Biblioteca Escolar e Centro de Recursos 
da Escola Dom Paio Peres Correia 

 participa na iniciativa organizada pela Amnistia Internacional

"Maratona de cartas"
trata-se de um evento  destinado a  proteger  
os defensores  dos direitos humanos,

e consiste em escrever cartas ao ministro da justiça da Turquia apelando ao fim da perseguição e libertação dos defensores dos direitos humanos (DDH) .

PARTICIPA!
Escreve ou assina uma carta e ajuda a salvar vidas!

sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

CONCURSO NACIONAL DE LEITURA - 2018

CONCURSO NACIONAL DE LEITURA 12ª EDIÇÃO 
 2017 | 2018

INSCREVE-TE E PARTICIPA!

FASE DA ESCOLA até 19 de fevereiro

INFORMA-TE NA BIBLIOTECA DA  
ESCOLA DOM PAIO PERES CORREIA
 

II. DESTINATÁRIOS 

− Alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico 
− Alunos do 2.º Ciclo do Ensino Básico 
− Alunos do 3.º Ciclo do Ensino Básico 
− Alunos do Ensino Secundário

III. CONDIÇÕES GERAIS DE PARTICIPAÇÃO E FASEAMENTO DE INSCRIÇÃO NO CNL: 

Até 5 de dezembro de 2017, as Escolas preenchem o Formulário de Inscrição no CNL 2017/2018, disponibilizado no SIPNL: 

Até 8 de dezembro de 2017, o PNL2027 publicará no seu Portal a lista das escolas inscritas. 

FASE REGIONAL – ESCOLAS/ MUNICÍPIOS/ CIM-AM: 
A Fase Regional do CNL 2017/ 2018 desenrola-se em três momentos consecutivos: 
Escolar, Municipal e Intermunicipal. 

1.º momento: Provas nas Escolas 
   O 1º momento, que decorrerá entre 8 de dezembro e 28 de fevereiro, é organizado por cada uma das escolas do Continente e dos Arquipélagos dos Açores e da Madeira, bem como pelo Camões IP e pela DGAE/ DSEEPE, nas escolas portuguesas no estrangeiro que aderirem a esta iniciativa. 
   Nesta etapa, as escolas, com o apoio dos coordenadores interconcelhios das bibliotecas escolares (CIBE) e da Biblioteca Municipal (BM) constituirão um júri a quem cabe selecionar as obras a concurso e apurar os vencedores de cada agrupamento/escola não agrupada (1 em cada nível de ensino: 1.º, 2.º e 3.º ciclos do ensino básico e ensino secundário), que competirão a nível municipal.       O PNL2027 oferece uma lista anualmente atualizada de livros recomendados para todos os graus de ensino que se poderá utilizar como referência em todos os momentos do CNL. 
   As provas do 1.º momento, a ocorrer até 19 de fevereiro, são realizadas de modo descentralizado e com inteira autonomia, podendo apresentar modelos e estruturas diferentes entre si. 
   De 20 a 28 de fevereiro, as escolas registam no SIPNL as obras lidas e os alunos apurados para o momento seguinte, cujos nomes serão publicamente divulgados pelo PNL no seu portal.

                  2.º momento: Provas nas Bibliotecas Municipais 
   O 2.º momento decorrerá entre 1 de março e 30 de abril. Esta etapa traduz-se na realização de provas públicas organizadas pelas Bibliotecas Municipais, dirigidas aos vencedores do período anterior. 
    Cada BM, em articulação com as escolas e os CIBE, nomeará um júri a quem cabe selecionar as obras a concurso e apurar 2 vencedores em cada nível de ensino (1.º, 2.º e 3.º ciclos do ensino básico e ensino secundário), para competirem no momento seguinte. Este júri deve ser constituído, sempre que possível, por um CIBE, um representante da BM e uma personalidade de reconhecido mérito nas áreas da leitura e da escrita, tendo consideração pelo perfil etário dos concorrentes, nomeadamente no respeitante à entrada de alunos dos 1.º e 2.º ciclos do ensino básico no CNL. 
   As provas deste 2.º momento, a ocorrer até ao dia 25 de abril, são elaboradas, à semelhança do ocorrido na etapa anterior, de modo descentralizado e com inteira autonomia, podendo apresentar modelos e estruturas diferentes entre si. 
   De 26 a 30 de abril, as escolas registam no SIPNL as obras que foram lidas e os alunos apurados para o momento seguinte, cujos nomes serão publicamente divulgados pelo PNL no respetivo portal. 

         3º momento: Provas nas Comunidades Intermunicipais/Áreas Metropolitanas 
     O 3.º momento decorrerá entre 1 e 31 de maio.  
   Este momento congregará os vencedores de cada concelho (2 por cada nível de ensino) para a realização de provas escritas a nível intermunicipal e das áreas metropolitanas. 
   Para a organização deste processo, que deverá ocorrer até 25 de maio, serão constituídos júris regionais a quem cabe a elaboração das matrizes das provas. 
   As provas para a seleção dos concorrentes vencedores, 1 por CIM/ AM/ EPE, em cada nível de ensino (1.º, 2.º e 3.º ciclos do ensino básico e ensino secundário), que irão competir na Final Nacional, serão realizadas a distância. 
   Cada júri deve ser presidido por uma personalidade reconhecida da região, das áreas da cultura e do saber, e composto por representantes dos parceiros: DGLAB e RBE. 
   A lista dos finalistas será publicada nas plataformas de todos os parceiros até ao dia 31 de maio. 

FASE NACIONAL 
   A final nacional do CNL terá lugar a 10 de Junho de 2018, dia em que se celebra a língua portuguesa. 
   O desfecho desta fase nacional consiste na realização de provas públicas de palco em que participarão 5 concorrentes vencedores de uma prova de pré-seleção a que serão concorrentes os restantes apurados a nível nacional e internacional. 
     Em período oportuno, serão dadas as orientações específicas necessárias sobre estas provas. 
    Cabe ao PNL 2027 e ao júri nacional, a nomear, a definição das provas a que os concorrentes se sujeitarão, em espaço físico a definir, e em que serão selecionados os 5 finalistas de cada nível de ensino. 
    O Júri da final nacional é constituído por 2 figuras de relevo da língua, da cultura e do pensamento português e por representantes da DGLAB e RBE; terá como presidente, por inerência, a Comissária do Plano Nacional de Leitura 2027. 
    Este Júri avalia as prestações dos concorrentes finalistas e delibera sobre a sua hierarquização – 1.º, 2.º e 3.º prémios + 2 Menções Honrosas. 
   O Júri Nacional reserva-se o direito de intervir em quaisquer questões relativas ao número, conteúdo, forma e correção das provas, bem como o de tomar qualquer decisão de supressão, modificação ou manutenção de tais provas. 
    O Júri Nacional é soberano, não sendo possível, em circunstância alguma, recorrer das suas decisões. Ao Júri Nacional compete decidir sobre quaisquer matérias omissas neste Regulamento. 

IV. CALENDARIZAÇÃO





























V. PRÉMIOS 
     Os prémios a atribuir aos vencedores dos diferentes momentos da Fase Regional deverão ser decididos a nível escolar/ municipal/ intermunicipal, de acordo com a deliberação dos respetivos júris e contar, desejavelmente, com o apoio de parceiros e/ou patrocinadores diversificados. 
     Cada participante na Final Nacional receberá um prémio de presença e um certificado nominal de participação. 
     Os 3 primeiros classificados da Final em cada um dos níveis de ensino (1.º, 2.º e 3.º ciclos do ensino básico e ensino secundário) serão os grandes vencedores do CNL e receberão prémios a atribuir pelo PNL 2027. O mesmo ocorrerá para as Menções Honrosas.

VI. CLÁUSULAS ESPECÍFICAS  
    1. No caso de serem selecionados para as Finais Regionais ou para a Final Nacional, os candidatos menores de 16 anos não poderão participar sem a autorização expressa dos encarregados de educação. 
    2. É interdita a participação, como membros dos Júris, a familiares diretos dos concorrentes. 
    3. Não serão admitidos, nos diferentes momentos do CNL, alunos que não estejam inscritos. 
  4. O PNL2027 disponibilizará um montante a definir com o objetivo de ressarcir as escolas participantes pelos custos associados à participação na Final do CNL 12.ª Ed., num total repartido pelas rubricas: 
  ● Atualização do Fundo Documental da Biblioteca (Livros e documentação técnica) 
  ● Outras despesas/ deslocações